Destinado a todas as modalidades e aos clubes da Margem Sul do Tejo

Destinado a todas as modalidades e aos clubes da Margem Sul do Tejo

Sport Video

Resource

Tecnologia do Blogger.

Facebook Pages

Our Topics

Destaques

CN SENIORES»» C. PIEDADE 4 SACAVENENSE 1

Equipa teve um nível de eficácia bastante elevado…

C. Piedade dá mais um passo importante rumo à manutenção


Excelente foi o resultado obtido pelo Cova da Piedade na partida que disputou no Estádio Municipal José Martins Vieira com o Sacavenense relativa à 7.ª jornada da fase de manutenção e descidas do Campeonato Nacional de Seniores.

Ao intervalo a equipa piedense já ganhava por uma bola a zero com um golo marcado de grande penalidade por Hugo Rosa, aos 18 minutos. Depois na segunda parte Moisés elevou para 2-0 aos 55 minutos, Falardo aumentou para quando estavam decorridos 77 minutos e França fez o quarto golo à passagem do minuto 80. O golo de honra da equipa de Sacavém foi marcado por Pedro Augusto aos 86 minutos.  

Com esta vitória, a segunda conseguida nesta fase, a equipa orientada por Sérgio Bóris subiu ao segundo lugar da tabela classificativa embora tenha os mesmos pontos que Sacavenense e Pinhalnovense. O Loures que lidera tem mais quatro pontos.

Em relação aos outros jogos da jornada importa salientar o triunfo (2-0) do Pinhalnovense que jogou no Santos Jorge com o Atlético da Malveira e a derrota do Desportivo Fabril (3-1) no jogo que disputou em Loures. Com esta derrota a equipa do Lavradio ficou ainda mais última porque os que seguem à sua frente [Sintrense e U. Montemor] empataram.  

Frente ao Sacavenense o C. Piedade alinhou da seguinte forma: Pedro Alves; Luís Dias, Ricardo Aires, Ruben Nunes e Maurício; França, Ceitil e Falardo; Hugo Rosa (João Santos, 60 min), Moisés (Zihau, 85 min) e Caramelo (Nuno Gomes, 72 min).
Golos: Hugo Rosa (gp, 18’), Moisés (55’), Falardo (77’) e França (80’) para o C. Piedade e Pedro Augusto (86’) para o Sacavenense.

Sérgio Bóris, treinador do C. Piedade:
“Fomos mais fortes em todos os capítulos”

No final da partida o nosso jornal falou com o treinador do C. Piedade, Sérgio Bóris que deixou a sua opinião sobre o encontro e falou também da necessidade de todos unirem esforços no sentido de darem um maior apoio aos jogadores, ao contrário do que ultimamente tem acontecido.

“Fomos mais fortes em todos os capítulos desde o primeiro minuto, tivemos sempre o jogo controlado e dominámos mas não jogámos mais do que fizemos em Sintra [na primeira jornada] ou na semana passada na Malveira, em que perdemos. A diferença esteve na eficácia uma vez que conseguimos transformar o que criámos, ao contrário do que tem acontecido noutros jogos. E, depois, quando uma equipa faz golos e está em vantagem as coisas acontecem com mais naturalidade. Honestamente, foi mais um bom jogo à imagem do que fizemos a semana passada na Malveira, em que perdemos. Desta vez fizemos golos e isso deu-nos a vitória com um resultado expressivo”.

Sérgio Bóris apela aos sócios para a necessidade de todos unirem esforços no apoio à equipa para que ela se sinta mais confortável a jogar em casa

“A equipa não se tem sentido confortável a jogar em casa nesta segunda fase, vá lá saber-se porquê… É importante que haja uma conjectura diferente e que as pessoas percebam que não somos uma grande equipa só hoje porque ganhámos 4-1, nem fomos uma equipa desorganizada ou com pouca qualidade quando empatámos em casa nesta segunda fase. Há que proporcionar aos jogadores uma conjectura mais favorável para que possam transformar o factor casa como um factor positivo e não com um factor que muitas vezes tem condicionado a nossa fluidez e os nossos níveis de confiança. Não há nenhuma equipa no Mundo que consiga ter confiança quando tem a sua massa associativa nos primeiros minutos a criticar ou a ofender e isto tem acontecido com regularidade. Não empatámos ou deixámos de ganhar por causa disso mas que condiciona é um facto. Talvez seja uma coincidência ou talvez não, As pessoas têm que avaliar e dizerem de uma vez por todas o que querem e que manifestem de forma clara a sua posição. Quando empatámos tivemos os sócios até ao último minuto na bancada e hoje que ganhámos, quando havia 4-0 alguns começaram a ir embora. Há aqui qualquer coisa que não está bem”.

“O nosso estádio tem que se transformar num factor positivo”

“A equipa nem sempre joga bem e eu como técnico assumo isso mas uma coisa é certa quando joga em casa tem que ter o público do seu lado. O nosso estádio tem que se transformar num factor positivo como acontece praticamente em todos os clubes. É por essa razão que os pequenos por vezes ganham aos grandes. De algum tempo a esta parte para nós o factor casa deixou de ser positivo. Não por todas as pessoas porque felizmente também há quem nos apoie de forma incondicional. Os jogadores mais uma vez elevaram o nome do clube porque deram tudo o que tinham. Hoje foi dado mais um passo mas ainda falta muito para alcançar a manutenção. A união de todos é cada vez mais importante”.  


Resultados e Classificação

RESULTADOS (7.ª jornada): Pinhalnovense 2 At. Malveira 0; C. Piedade 4 Sacavenense 1; U. Montemor 0 Sintrense 0; Loures 3 Fabril 1.

CLASSIFICAÇÃO: 1.ª lugar, Loures, 27 pontos; 2.º lugar, C. Piedade, Sacavenense e Pinhalnovense, 23 pontos; 5.º lugar, Atlético da Malveira, 22 pontos; 6.º lugar, Montemor, 19 pontos; 7.º lugar, Sintrense, 16 pontos; 8.º lugar, Desp. Fabril, 13 pontos.


PRÓXIMA JORNADA (12 de Abril): C. Piedade – Sintrense; U. Montemor – Loures; Pinhalnovense - Sacavenense; Atl. Malveira - Fabril     

INICIADOS»» BENFICA 3 PORTIMONENSE 0

Encarnados terminam segunda fase só com vitórias

Águias controlaram e dominaram a seu bel-prazer

O Benfica concluiu a segunda fase do Campeonato Nacional de Iniciados com uma vitória sobre o Portimonense por 3-0, com golos de André Ricardo, Ruben Fonseca e Rodrigo Conceição.

Este foi o décimo triunfo nos dez jogos disputados onde marcou 34 golos e sofreu apenas três, dados que espelham bem aquilo que tem sido a sua superioridade ao longo da competição e se a estes juntarmos as 17 vitórias e um empate conseguidos na primeira fase os números sobem para 27 vitórias e um empate nos 28 jogos realizados com 97 golos marcados e apenas 9 sofridos. Fantástico, sem dúvida. 

Com o apuramento já garantido há bastante tempo os encarnados aproveitaram para rodar alguns jogadores menos utilizados mas nem por isso deixaram de praticar bom futebol e alcançar uma vitória que não deixa margem para dúvidas perante um adversário que foi totalmente inofensivo no seu sector mais avançado.

O jogo foi inteiramente controlado e dominado em termos territoriais pelos pupilos de Luís Nascimento que foram para o intervalo a ganhar por 2-0, com golos obtidos aos 8 e aos 17 minutos.


Na segunda parte a toada do jogo manteve-se com o Benfica a atacar e os algarvios a defenderem-se da forma como podiam. A bola rondou por várias vezes com muito perigo a baliza do Portimonense mas o seu guarda-redes Rodrigo Franco brilhou em duas ocasiões retardando assim o golo que veio a acontecer apenas aos 64 minutos, numa altura em que a equipa algarvia já tinha colocado em campo o outro guarda-redes, Artur Martins.  


FICHA DO JOGO

Jogo no Campo N.º 1 da Caixa Futebol Campus, no Seixal
ÁRBITRO: Diogo Vicente (Santarém), auxiliado por Afonso Silveira e João Veríssimo

BENFICA: Luís Santos; Diogo Capitão (João Ferreira, 35’), António Ribeiro, Alexandre Penetra, Vasco Oliveira; Pedro Fonseca, Emanuel Serrano (Rodrigo Conceição, 46’), Miguel Nóbrega (Diego Batista, 35’); Ruben Fonseca (Ricardo Matos, 35’), Tiago Dantas e André Ricardo (Lulunzi João, 58’).
TREINADOR: Luís Nascimento

PORTIMONENSE: Rodrigo Franco (Artur Martins, 60’); André Marques, Miguel Alberto, João Alfeirão, Lorenzo Abreu (Tomás Vieira, 29’); Bruno Martins (Luke António, 52’), André Dias (José Braz, 35’), Henrique Santos; Dudu, Paulo Salvador e Pina.
TREINADOR: Mário Leão

Ao intervalo: 2-0
Marcador: 1-0, André Ricardo (8’); 2-0, Ruben Fonseca (17’); 3-0, Rodrigo Conceição (64’).
Disciplina: nada a registar 

TRIATLO»» Amorense Tiago Leão em destaque

Em representação da Selecção Nacional

Triatleta da Associação Naval Amorense no Triathlon Junior European Cup

Tiago Leão, triatleta da Associação Naval Amorense, esteve em plano de grande evidência numa prova da Taça da Europa de Triatlo, na categoria de juniores, que se realizou no dia 22 de Março, em Quarteira.  


Em representação da Selecção Nacional, Tiago Leão cotou-se como o melhor português ao terminar a competição na 11.ª posição com o tempo de 00:56:46 a 59s do vencedor o britanico Bem Dijkstra.
Tiago Leão realizou uma brilhante prova sendo no segmento de Ciclismo o triatleta mais rápido em prova. 



O pódio final ficou composto por Ben Dijkstra (GBR) que alcançou o 1.º lugar com 00:55:47, três segundos depois terminou Lucas Jacolin (FRA) em segundo lugar com 00:55:50 e em terceiro lugar, a fechar o pódio, Maxime Hueber-Moosbrugger (FRA) que completou a prova em 00:56:06.

DISCIPLINA»» Castigos na AF Setúbal

Com oito clubes penalizados…

Foi no escalão de juniores que se registou o maior número de castigos


A 21.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão decorreu sem problemas de maior, em matéria disciplinar. No conjunto dos sete jogos realizados [o Grandolense – Arrentela não se realizou devido ao mau tempo] foram penalizados apenas três jogadores [um do Barreirense, um do Alfarim e outro do Monte de Caparica], com um jogo de suspensão a cada um.

Na 2.ª Divisão também tudo decorreu dentro da normalidade porque apenas foi suspenso um jogador do Alcacerense [com dois jogos] e um elemento do Vasco da Gama de Sines [com multa e suspensão].

O maior número de castigos foi aplicado no escalão de juniores com seis clubes na 1.ª Divisão e dois na 2.ª Divisão a terem jogadores, treinadores ou dirigentes castigados.

Eis então a lista de punições divulgada pelo Conselho de Disciplina da Associação de Futebol de Setúbal após a sua reunião 26 de Março.


I DIVISÃO (Seniores)
Barreirense: Fabrício, um jogo de suspensão e multa de 25 euros ao clube
Monte de Caparica: Austrelino, um jogo
Alfarim: Luí Marques (Mantorras), um jogo

II DIVISÃO (Seniores)
Alcacerense: Marinho, dois jogos
Vasco da Gama: Vítor Marques, 50 euros de multa e 10 dias de suspensão


JUNIORES
ADQC: Florberto Pereira, um jogo; Fábio Campos, um jogo
Alcacerense: José Marques, um jogo; Daniel Severino, um jogo
Alfarim: Josemar, um jogo; Nuno Silva, 50 euros de multa e 10 dias de suspensão
Amora: Gonçalo Felício, um jogo
Arrentela: Fernando Rocha (treinador), 50 euros de multa e 10 dias de suspensão
Costa de Caparica: Miguel Silva, um jogo; Mário Cunha, dois jogos
Sesimbra: Gonçalo Marques, um jogo; Pedro Silva, 50 euros de multa e 10 dias de suspensão
U. Santiago: Luís Santos, um jogo





FUTSAL»» Casa do Benfica Seixal volta a ganhar

Perante o Pinhal General…

BENFIQUISTAS OBTIVERAM TRIUNFO BASTANTE SUADO

A Casa do Benfica Seixal venceu o Pinhal General, por 2-1, em jogo relativo à 13.ª jornada da zona sul da 2.ª Liga E.Leclerc realizado na passada quinta-feira, no campo do adversário.

A noite estava agradável para a prática do futsal e as duas equipas, que se mostraram sempre aguerridas, mostraram desde o início ao que vinham.

Os benfiquistas do Seixal, que na segunda volta têm feito uma recuperação admirável, entraram no jogo a todo o gás com o objectivo de marcarem cedo, e assim aconteceu. Após várias ocasiões numa jogada de belo efeito, muito bem concluída por Ricardo Brasil, fizeram o primeiro golo do desafio.

O Pinhal General com uma equipa sempre muito combativa não baixou os braços e quase de seguida chegou à igualdade aproveitando uma desconcentração da defesa encarnada.
A partir daqui o jogo foi mais repartido e numa das várias ocasiões surgiu o segundo golo benfiquista dos pés do João Marcelino.

Chegou o intervalo e na segunda parte nada mudou com ocasiões para ambos os lados, falhanços incríveis e algum nervosismo.

Na parte final do desafio ainda houve tempo para um pressing da equipa da casa, mas sem efeitos positivos.

Com este resultado a Casa Benfica Seixal subiu na classificação geral e tem na última jornada da Liga Eleclerc Futsal Seixal uma palavra a dizer nas contas finais porque defronta a Qt.ª Laranjeiras num jogo decisivo em que esta equipa necessita da vitória para assegurar lugar no play-off de acesso à Primeira Liga.


ARBITRAGEM »» Nomeações para 28 e 29 de Março

Amora – Beira Mar será dirigido por David Demétrio (Barreiro)…







André Duque (Almada / Seixal) apita o Olímpico do Montijo - Barreirense

 

André Duque, de 24 anos, pertencente ao Núcleo de Almada / Seixal, árbitro da categoria C3a Promoção Nível 3, foi nomeado para dirigir no Campo da Liberdade, no Montijo, o jogo entre o Olímpico e o Barreirense relativo à 22.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão que está a ser aguardado com grande expectativa principalmente pela equipa do Barreiro que na jornada anterior foi surpreendida em casa pelo Comércio e Indústria.

Este vai ser o 13.º jogo de André Duque no Distrital da 1.ª Divisão onde já encontrou por duas vezes o Barreirense [na Baixa da Banheira e Santiago do Cacém] mas nunca se cruzou com o Olímpico do Montijo.

A apitar o Amora no confronto com o Beira Mar de Almada vai estar David Demétrio (Barreiro), de 23 anos, árbitro também da categoria C3a Promoção Nível 3. David Demétrio tem apenas quatro jogos realizados na 1.ª Divisão e esta época nunca encontrou nem Amora, nem Beira Mar de Almada.

Nas restantes partidas desta jornada destacamos João Bernardo (Setúbal) que vai apitar pela segunda vez um jogo da 1.ª Divisão Distrital, o Grandolense – Alfarim; Ricardo Pinto (Barreiro) que vai dirigir o Charneca de Caparica – Almada; e Diogo Trancadas (Pinhal Novo) que estará no Comércio e Indústria – Alcochetense.


Na 2.ª divisão realçamos a nomeação de Marco Machado (Santiago do Cacém) para o Vasco da Gama - Estrela de St.º André, jogo entre duas equipas vizinhas e Marcos Duarte que estará na Costa de Caparica a dirigir o jogo entre os Pescadores [que lideram a competição] e o Moitense [quinto classificado].

Devido à quadra da Páscoa os campeonatos distritais de juniores (1.ª e 2.ª Divisão) encontram-se parados.

Fique então com a lista completa das nomeações para a 22.ª jornada do campeonato distrital da 1.ª divisão e 6.ª jornada da segunda fase da 2.ª divisão distrital (seniores).


1.ª DIVISÃO DISTRITAL (22.ª jornada):
Amora - Beira Mar de Almada (David Demétrio, Núcleo do Barreiro)           
Sesimbra - U. Santiago (Tatiana Martins, Núcleo de Almada / Seixal)
Arrentela – Monte Caparica (André Pagaime, Núcleo do Pinhal Novo)
Grandolense - Alfarim (João Bernardo, Núcleo de Setúbal)
Charneca Caparica – Almada (Ricardo Pinto, Núcleo do Barreiro)
Olímpico do Montijo – Barreirense (André Duque, Núcleo de Almada / Seixal)
Comércio e Indústria – Alcochetense (Diogo Trancadas, Núcleo do Pinhal Novo)
Palmelense - União Banheirense (Ricardo Figueiredo, Núcleo de Setúbal)


2.ª DIVISÃO DISTRITAL – 2.ª fase (6.ª jornada):
Costa de Caparica – Moitense (Marcos DuarteNúcleo de Almada / Seixal)
Paio Pires – Alcacerense (Ricardo Guerreiro, Núcleo de Almada / Seixal)
Lagameças – ADQC (Miguel Martins, Núcleo de Setúbal)

Vasco da Gama - Santo André (Marco Machado, Núcleo de Santiago do Cacém)


Conf. de Imprensa e Resumos de Jogos

Copyright © 2015 JORNAL DE DESPORTO ™ Designed by Templateism . Hosted on Blogger Platform.