Destinado a todas as modalidades e aos clubes da Margem Sul do Tejo

Destinado a todas as modalidades e aos clubes da Margem Sul do Tejo

Sport Video

Resource

Tecnologia do Blogger.

Facebook Pages

Our Topics

Destaques

domingo, 1 de fevereiro de 2015

JUNIORES»» BEIRA MAR DE ALMADA 1 NACIONAL 4

Publicado por: Jose Pina - 01:53
Continuidade na 1.ª Divisão está em perigo…

Equipa almadense ficou numa situação muito delicada

Com a realização da 22.ª jornada terminou a fase regular do campeonato nacional de juniores da 1.ª Divisão e tudo ficou decidido no que respeita às equipas qualificadas para disputarem o título de campeão e aquelas que vão lutar pela permanência.

Na zona sul as atenções estavam concentradas nos jogos em que intervinham Belenenses, U. Leiria e Nacional porque eram de facto três candidatos para preencher apenas duas vagas. No final da jornada, feitas as contas constatou-se que quem ficou de fora foi o Belenenses porque não conseguiu melhor que um empate enquanto as outras duas equipas haviam ganho os seus jogos.

Assim, quem ficou apurado na zona sul foi o Benfica que se classificou em primeiro lugar, sem derrotas, com uma vantagem de 20 pontos sobre o Sporting. Em terceiro lugar classificou-se o U. Leiria e em quarto o Nacional, com o mesmo número de pontos. Estes clubes vão agora juntar-se ao FC Porto, V. Guimarães, Rio Ave e Gil Vicente [que foram as equipas qualificadas na zona norte] na disputa da fase final que decide o título de campeão nacional.

As restantes oito equipas vão lutar agora pela permanência na competição partindo para a segunda fase com a totalidade dos pontos conquistados na primeira fase, descendo à 2.ª divisão os três últimos classificados.

O Beira Mar de Almada, que nesta jornada perdeu em casa com o Nacional por 4-1, terminou a fase regular em último lugar e ficou com a sua vida bastante complicada em relação ao futuro porque vai partir para a segunda fase com menos seis pontos que o penúltimo [Estoril], menos 12 pontos que o antepenúltimo [Sacavenense] e menos 13 pontos que o Casa Pia que ocupa o 9.º lugar.

Os primeiros jogos da fase seguinte serão fundamentais para os jovens almadenses que não têm sido nada felizes no ano de estreia no campeonato nacional da 1.ª divisão.


Resultados e Classificação

RESULTADOS (última jornada): Benfica 1 Belenenses 1; Beira Mar de Almada 1 Nacional 4; Casa Pia 1 V. Setúbal 1; Oeiras 2 Sacavenense 1; U. Leiria 2 Sporting 1; Estoril 1 Torreense 1.


CLASSIFICAÇÃO FINAL: 1.º lugar, Benfica, 60 pontos; 2.º lugar, Sporting, 40 pontos; 3.º lugar, U. Leiria e Nacional, 35 pontos; 5.º lugar, Belenenses, 34 pontos; 6.º lugar, Torreense, 32 pontos; 7.º lugar, Oeiras, 33 pontos; 8.º lugar, V. Setúbal, 26 pontos; 9.º lugar, Casa Pia, 24 pontos; 10.º lugar, Sacavenense, 23 pontos; 11.º lugar, Estoril, 17 pontos; 12.º lugar, Beira Mar de Almada, 11 pontos.


sábado, 31 de janeiro de 2015

INICIADOS»» BENFICA 3 OLHANENSE 1

Publicado por: Jose Pina - 23:43
                                                                 Com um bis de Pedro Álvaro...

Vitória tranquila da melhor equipa em campo

O Benfica entrou na segunda fase do campeonato nacional de iniciados com uma vitória sobre o Olhanense por 3-1, num jogo em que se destacou Pedro Álvaro pelos dois golos que marcou.

O jogo foi totalmente dominado pela equipa encarnada que assumiu o comando logo após o apito inicial do árbitro. A equipa de Olhão mostrava-se bem organizada mas particamente nunca incomodou o último reduto das águias porque as transições não resultavam. O caudal ofensivo das águias acabou com a resistência algarvia aos 23 minutos, altura em que Pedro Álvaro abriu o activo.

Na segunda parte a toada do jogo manteve-se e o Benfica chegou com naturalidade aos 3-0, com golos de Pedro Álvaro, que bisou (51’), e Ricardo Matos (66’). O golo de honra dos algarvios foi obtido por Hugo Brás já em período de compensação (90+3’).



FICHA DO JOGO

Campo N.º 1 da Caixa Futebol Campus, no Seixal
Árbitro: João Cabral (Lisboa), auxiliado por António Olgiro e Pedro Pinto

BENFICA: Tiago Silva; Luís Pinheiro, João Fonseca, Gonçalo Loureiro, Vasco Oliveira; Miguel Nóbrega, Pedro Álvaro Emanuel Serrano (Ricardo Matos, 57’); Ricardo Campos, Tiago Dantas e Mário Ferreira (André Ricardo, 48’).
TREINADOR: Luís Nascimento

OLHANENSE: Nini; Iuri Dias, João Correia, Ruben, Oli; Seruca, Rodrigo, Afonso (Hugo Brás, 35); Lelo, Alés (Tomás Fernandes, 57’) e Alejandro (Djaló, 35’ e Ricardo, 66’)
TREINADOR: Guido Silvestre

Ao intervalo: 1-0
Marcador: 1-0, Pedro Álvaro (23’); 2-0, Pedro Álvaro (51’); 3-0, Ricardo Matos (66’); 3-1, Hugo Brás (70+3’).
Disciplina: cartão amarelo a Luís Pinheiro (70’).


JUNIORES»» BENFICA 1 BELENENSES 1

Publicado por: Jose Pina - 23:01
                                                             Jogadores do Belenenses saem do campo a chorar...

Águia encostada às cordas por adversário inconformado


O Benfica fechou a sua participação na fase regular do campeonato nacional de juniores com um empate (1-1) no jogo disputou com o Belenenses terminando assim a zona sul em primeiro lugar, sem derrotas, com 20 pontos de vantagem sobre o Sporting que se classificou na segunda posição.

Foi um jogo de muita luta e muito empenho dos jogadores de ambas as equipas com alguns lances de futebol bem gizados de futebol, sobretudo na primeira parte. Na segunda metade houve menos qualidade mas mais emoção devido à incerteza do resultado que se manteve até ao final.

O Benfica teve maior caudal ofensivo e criou as melhores oportunidades de golo (por Hildeberto Pereira, aos 10 e 33') mas quem saiu para o intervalo em vantagem foi o Belenenses fruto do golo marcado por João Diogo, aos 37 minutos, na sequência de um remate efectuado de longe em que o guarda-redes encarnado parece ter sido mal batido. A equipa do Restelo a jogar com as linhas baixas à procura do erro do adversário estava a tirar partido da sua estratégia num jogo em que os encarnados estavam a ser superiores e que haviam controlado grande parte do tempo.

Na segunda parte o Benfica entrou melhor e acabou por chegar à igualdade na conversão de uma grande penalidade cometida aos 47 minutos, por João Gomes. Na cobrança Pedro Rodrigues rematou forte, o guarda-redes do Belenenses ainda tocou na bola, mas esta acabou por entrar. A partir daqui o jogo ficou partido porque a equipa de Belém que jogava o apuramento para a segunda fase alterou a sua forma de jogar e começou a aparecer com mais insistência na sua frente de ataque dando imenso trabalho à defensiva encarnada que aos 78 minutos viu Tiago Alves atirar uma bola ao poste. O Benfica respondeu pouco depois por Hildeberto Pereira mas a equipa de Belém nunca desistiu de procurar a vitória e com uma entrega total dos seus jogadores acabou o jogo em cima da equipa encarnada ganhando nos últimos minutos uma série de cantos consecutivos tendo num deles o guarda-redes Rui Ferreira cabeceado ao lado da baliza contrária. No final da partida, conhecidos os outros resultados os jogadores azuis abandonaram o relvado a chorar porque não conseguiram o seu objectivo.



TREINADORES:

JOÃO TRALHÃO (Benfica): “Foi um jogo incaracterístico com o Belenenses a lutar pela qualificação e com a emoção um pouco acima daquilo que são os níveis normais. Nós estivemos algo desconcentrados na segunda parte e isso fez com que não houvesse tanta qualidade. O Belenenses fez um bom jogo e nós podíamos ter feito um pouco melhor”.


JOSÉ CARLOS SOUSA (Belenenses): “A segunda melhor equipa do campeonato não passou à fase final. Hoje faltou-nos um pouco de sorte porque terminámos o jogo em cima do Benfica. Dificilmente alguma equipa conseguiu fazer isto. O grupo está desolado e alguns miúdos nem conseguem falar com tamanha injustiça”.


                   FICHA DO JOGO

1 BENFICA       
                  BELENENSES 1 
Campo N.º 1 da Caixa Futebol Campus, no Seixal
Árbitro: Eugénio Arez (Algarve)
Auxiliares: Ricardo Martins e Hugo de Sousa
EQUIPAS
Rafael Lopes
Rui Ferreira
Hugo Santos
Gonçalo Tavares
Rúben Dias
João Gomes
(Edson Neves, 84’)
Francisco Ferreira
João Correia
Yuri Ribeiro
Bruno Gomes
(Adélcio Varela, 45’)
Pedro Rodrigues
João Diogo
Aurélio Buta
Tiago Alves
  Gonçalo Rodrigues
(Pedro Amaral, 45’)
Tiago Figueiredo
Hildeberto Pereira
Seba
Diogo Gonçalves
Nuno Januário
João Filipe
(Bruno Lourenço, 70’)
Nelson Horta
(Chen Kerui, 72’)
TREINADORES
João Tralhão
José Carlos Sousa
Ao intervalo: 0-1
Marcadores: 0-1, João Diogo (37’); 1-1, Pedro Rodrigues (47’)
Disciplina: cartão amarelo a Bruno Gomes (24’), João Diogo (45’), João Gomes (47’), Yuri Ribeiro (57’), Rúben Dias (70’), Hugo Santos (82’) e Tiago Figueiredo (88’).









sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

FUTEBOL JUVENIL»» C. Piedade presta homenagem a Marco Silva

Publicado por: Jose Pina - 19:47
Clube organiza torneio pela Páscoa…

Da Cova da Piedade ao Sporting Clube de Portugal

O Clube Desportivo Cova da Piedade vai organizar nos dias 3, 4 e 5 de Abril no Estádio Municipal José Martins Vieira, um torneio de futebol na categoria de sub 15, denominado “Torneio Marco Silva” com o objectivo de prestar homenagem ao actual técnico do Sporting que começou a praticar futebol federado precisamente no clube piedense.

No torneio participam os seguintes clubes: Clube Desportivo Cova da Piedade, Clube Atlético e Cultural da Pontinha (CAC), Grupo Desportivo Estoril-Praia, Club Internacional de Football (CIF), Grupo Desportivo Alcochetense, Clube Futebol “Os Belenenses”, Sporting Clube de Portugal e Vitória Futebol Clube (Setúbal).

Actualmente com 37 anos, Marco Silva começou a jogar futebol federado na época de 1991/92 nos juvenis do Cova da Piedade de onde transitou já como júnior para o Belenenses.

A sua primeira época de sénior foi passada ainda em Belém, mudando-se depois em 1997/98 para o Atlético e posteriormente para o Trofense, Campomaiorense, Rio Ave, Braga B, Salgueiros, Odivelas e Estoril, clube que representou durante seis épocas como jogador, passando depois a desempenhar as funções de director desportivo e mais tarde treinador.

O bom trabalho efectuado no clube da linha, que sob o seu comando conquistou o título de campeão nacional da 2.ª Liga e mais tarde um quarto e um quinto lugar na 1.ª Liga e o consequente apuramento para a Liga Europa, mereceu a atenção dos chamados grandes do futebol nacional tendo optado pelo Sporting Clube de Portugal onde está a realizar um excelente trabalho.

Com um discurso equilibrado, uma boa relação com os jogadores, humilde, calmo e ponderado no banco e sempre cordial para com a comunicação social, Marco Silva bem merece esta homenagem.


DISCIPLINA»» Castigos na AF Setúbal

Publicado por: Jose Pina - 18:18
                                                                                Cláudio Futre suspenso por três jogos…

Olímpico e Santo André foram os clubes mais penalizados


Olímpico do Montijo [1.ª Divisão] e Estrela de Santo André [2.ª Divisão] foram os clubes com mais jogadores penalizados pelo Conselho de Disciplina da Associação de Futebol de Setúbal que se reuniu ontem, quinta-feira, 29 de Janeiro, para analisar as incidências registadas no decorrer dos jogos disputados no último fim-de-semana.

Entre os castigados sobressaem os três jogos de suspensão aplicados a Cláudio Futre (Olímpico do Montijo) e os dois jogos a João Monteiro (Olímpico do Montijo) e Nuno Diogo (Vasco da Gama), por serem as punições mais elevadas.

Eis então o mapa de castigos:

1.ª DIVISÃO:

ARRENTELA - Márcio Duro, 1 jogo de suspensão
GRANDOLENSE - Diogo, 1 jogo de suspensão
OLÍMPICO - Cláudio Futre, 3 jogos de suspensão
                    - João Monteiro, 2 jogos de suspensão
                    - Hugo Gonçalves, 50 euros de multa e 10 dia de suspensão



2.ª DIVISÃO:

VASCO DA GAMA - Nuno Diogo, 2 jogos de suspensão
LAGAMEÇAS - Tiago Curado, 1 jogo de suspensão
SANTO ANDRÉ - Coreixas, 1 jogo de suspensão
                             - Diogo Santos, 1 jogo de suspensão
                             - Bruno Gomes, 1 jogo de suspensão
PESCADORES - Jorge Amaral, 15 euros de multa e repreensão por escrito
                          - Aristides Assis, 15 euros de multa e repreensão por escrito


ARBITRAGEM »» Nomeações para as competições da AF Setúbal

Publicado por: Jose Pina - 17:02
Vai estar presente no Estádio Vila Amália…

Luís Reforço (Barreiro) foi o árbitro escolhido para o Sesimbra - Amora

Luís Reforço, de 40 anos, pertencente ao Núcleo do Barreiro, da categoria C2 (segunda categoria nacional), foi o árbitro escolhido pelo Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol de Setúbal para dirigir o Sesimbra – Amora, relativo à 15.ª jornada do campeonato distrital da 1.ª divisão, que se realiza no Estádio Vila Amália.

Luís Reforço, um dos árbitros mais experientes da AF Setúbal, que já chegou a andar pela I Liga do futebol nacional e está mais habituado às competições organizadas pela FPF, vai fazer assim a sua estreia, esta época, no principal campeonato do futebol setubalense.

Numa jornada repleta de jogos interessantes será também de realçar a nomeação de Ricardo Pinto (Núcleo do Barreiro) para o Barreirense – Almada que se realiza no Campo da Verderena; de Ricardo Figueiredo (Setúbal) para o Alcochetense – Monte de Caparica; e, João Marques (Almada / Seixal) para o U. Santiago – Alfarim.

Na 2.ª Divisão Distrital será de registar a presença de André Duque (Núcleo de Almada / Seixal), no Municipal de Sines onde vai apitar o Vasco da Gama – Paio Pires, o jogo mais importante da jornada que coloca frente a frente os dois primeiros da tabela classificativa.

No Campeonato Distrital de Juniores da 1.ª Divisão destacamos a nomeação de Sílvia Domingos (Almada / Seixal), árbitra internacional que ainda na passada quinta-feira recebeu as insígnias da FIFA, para o Brejos de Azeitão – Alcochetense, de Tatiana Martins (Almada / Seixal) que vai estar no Pinhalnovense – ADQC e David Salvador (Pinhal Novo) que estará no Charneca de Caparica – Olímpico do Montijo.

Fique então com a lista completa das nomeações para a 15.ª jornada do campeonato distrital da 1.ª divisão de seniores; 13.ª jornada da 2.ª divisão distrital (seniores) e para a 15.ª jornada da 1.ª divisão distrital de juniores.


1.ª DIVISÃO DISTRITAL (15.ª jornada):
Sesimbra – Amora (Luís Reforço, Núcleo do Barreiro)
Palmelense – Charneca de Caparica (Mauro Santos, Núcleo do Barreiro)
Olímpico do Montijo – Arrentela (Marco Machado, Núcleo de Santiago do Cacém)
Comércio e Indústria – Grandolense (Miguel Jacob, Núcleo do Barreiro)
Alcochetense – Monte de Caparica (Ricardo Figueiredo, Núcleo de Setúbal)
Barreirense – Almada (Ricardo Pinto, Núcleo do Barreiro)
União Banheirense - Beira Mar de Almada (Sérgio Jesus, Núcleo do Barreiro)
U. Santiago – Alfarim (João Marques, Núcleo de Almada / Seixal)



2.ª DIVISÃO DISTRITAL (13.ª jornada):
Alcacerense – Pescadores (Sophia Rosa, Núcleo de Almada / Seixal)
St.ª André – ADQC (Pedro Almeida, Núcleo de Almada / Seixal)
Lagameças – Moitense (Henrique Pires, Núcleo de Almada / Seixal)
Vasco da Gama – Paio Pires (André Duque, Núcleo de Almada / Seixal)


JUNIORES - 1.ª Divisão (14.ª jornada):
Charneca de Caparica – Olímpico (David Salvador, Núcleo do Pinhal Novo)
Pescadores – Sesimbra (Ricardo Guerreiro, Núcleo de Almada / Seixal) - Domingo
Brejos de Azeitão – Alcochetense (Sílvia Domingos, Núcleo de Almada / Seixal)
Vasco da Gama - U. Santiago (Sérgio Lobo, Núcleo de Almada / Seixal)
Arrentela – Amora (Miguel Martins, Núcleo de Setúbal)
Pinhalnovense – ADQC (Tatiana Martins, Núcleo de Almada / Seixal)
Fabril – Almada (João Bernardo, Núcleo de Setúbal)


Conf. de Imprensa e Resumos de Jogos

Copyright © 2015 JORNAL DE DESPORTO ™ Designed by Templateism . Hosted on Blogger Platform.